Olá leitores sem eira, como estão?

Hoje eu vim aqui fazer uma pequena maldade, (AHAHAHA) vim trazer as primeiras impressões de leitura que tive do livro Porcelana, da autora nacional Géssica Marques. Preciso confessar que estou ajudando a Géssica com a revisão do livro e no momento em que escrevo essa postagem já li um pouco mais do que é permitido para as primeiras impressões mas não revelarei além do que achei do capítulo 1 e 2, não se preocupem!


Centralia é uma cidadezinha sombria, onde os cidadãos são muito supersticiosos. Eles acreditam que o mal habita a floresta que os cerca, e de fato eles não estão errados. Está chegando o famoso evento na cidade, o Rubrum Luna, também conhecido como a Lua de Sangue. É comemorada uma semana de festa, sendo que no último dia é quando acontece o eclipse. Nessa época qualquer feitiço tem mais de sucesso. Violet Demons está ansiosa para o festival, mas mal sabe ela que algo terrível está para acontecer. Ela irá descobrir mais sobre si mesma, e sobre todos os que acercam. E o mais importante, descobrir quem quer tomar a sua vida.



Para contar a história de Violet Demons o narrador onisciente começa nos familiarizando ao "universo" daquela sombria história, que teria começado muito tempo antes do que é mostrado no livro mas que só nos é revelada a partir do ano de 1790. Logo no início o motivo de o livro levar esse nome nos é revelado e, é necessário ressaltar, a história por trás disso é tão original e incrível que vai te deixar arrepiado: as bonecas de porcelana não são só bonecas, ou, pelo menos, não foram sempre assim.

Confesso que depois de ler o primeiro capítulo fiquei algum tempo pensando nas possibilidades que aquela história abria e me senti agradecida por não ter ouvido nenhum tipo de história como essa na infância (sério, fiquei impressionada). As situações nos são descritas com tamanha riqueza de detalhes que é realmente possível se enxergar lá e sentir o clima sombrio do lugar. O figurino também é minuciosamente descrito e é possível perceber, por todos esses detalhes, a época em que a história se passa. Violet é outro ponto que merece ser comentado, trata-se de uma poderosa (e sexy!) vampira, que "domina" secretamente a cidade - uma vez que a cidade abriga moradores supersticiosos - e se estende controladora de tudo, ciente do seu poder.
E estou louca pra ver mais sobre ela.

Para contextualizar enquanto toda a cidade está se preparando para o famoso festival Rubrum Luna a vampira parece planejar algo bem maior e, entre cenas de juras de lealdade e misteriosos acertos de "segurança", nos vemos presos a essa história e incapazes de deixar a leitura.
Tudo o que posso dizer é que apenas 2 capítulos foram suficientes para mostrar a originalidade da história e que espero, ansiosamente, pelo lançamento desse livro.


8 Comentários

  1. Olá Adriana!
    Eu AMEI o post! Ficou realmente INCRÍVEL!
    Estou me apaixonando cada vez mais nesses meus parceiros, viu!
    Fico muito feliz em saber que esteja gostando.
    Beijinhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado! <3
      Eu estou adorando mas vou te contar: é uma maldade deixar as pessoas no suspense do final desse segundo capítulo, viu?
      ahahahahah

      Um beijo!

      Excluir
  2. Helloo, Adriana! Tudo numa nice?!
    É tão bom quando encontramos um estória original, né?! Diferente de tudo que lemos por aí. Esse foi o terceiro post e primeiras impressões que li sobre esse livro e já me senti fisgada. Quando vejo que é histórias de época já fico empolgada. Amooo muito História, sabe?! A cultura de antigamente, os figurinos e todo o contexto de antigamente me fascina muito. Uma blogueira mais próxima de mim disse que era um new adult com teor erótico, e como ela conhece o tipo de leitura que falo ela decidiu ressaltar para mim, mas foi só por isso que eu murchei para ler a obra. Nunca vejo muito livros góticos por aí e a premissa desse parece diferente.
    Desejo muito sucesso a autora.
    Dá para perceber o seu entusiasmo com a obra. Ah, e que legal que você está ajudando a autora.
    Beijin...
    http://piecesofalanagabriela.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Alana. Tudo bem?
      Sem dúvidas uma história original faz a gente se sentir encontrando um tesouro, né?
      Tenho que confessar que não sou muito fã de história mas quando a narrativa tem seu contexto descrito faz toda a diferença :D
      [POSSÍVEL SPOILERZINHO]
      Realmente tem uma pegada um pouco erótica mas isso é tão voltado pra o sombrio que não consigo ver muito como cena hot e sim como afirmação da relação de dominação, usada para descrever alguns dos "poderes" dos vampiros. Imagino seja essa a ideia, mas não sei, ainda vou terminar de ler o livro, ahahah.

      Um beijo!

      Excluir
  3. Eita, fiquei curiosa com essa obra. E é delicioso ter uma revisora que se apaixona pela obra. Eu imagino a felicidade da autora hahahaha
    Quero ler mais sobre essa obra!

    >> Vida Complicada <<

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahahahahahah, tô ansiosa pra terminar, na verdade.
      Em breve faço a resenha aqui :D

      Um beijo!

      Excluir
  4. Gente que show esse livro. Sério. Originalidade me conquista muito, às vezes a leitura rotineira cansa. Autores nacionais já tem um espacinho especial no meu coração, geralmente eu amo muito as obras. E esse voltado para sombras e vilarejos, mdssss, me atraiu muito. Sem contar nessa capa linda que já chama atenção logo de cara. ❤️ O post ficou ótimo, esperando já pela resenha.
    Menina da Livraria


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bem?
      Os autores nacionais são realmente muito bons, não é?
      É linda mesmo, ansiosa pra terminar de ler o livro :D

      Um beijo!

      Excluir

Ao final do comentário deixe o seu link, se tiver, teremos o maior prazer em retribuir a visita e o carinho ❤
Se você nao tem uma conta no Google, pode comentar usando "Nome/URL".
P.S. Comentários genéricos não serão retribuídos.